Ataque em Berlim: polonês encontrado morto em caminhão tinha marcas de golpes

O polonês encontrado morto na cabine do caminhão utilizado no ataque de Berlim, que aconteceu nesta segunda-feira (19), era de fato o condutor do veículo e seu corpo tinha sinais de golpes, assegurou a transportadora para a qual ele trabalhava.

O homem de 37 anos, que deixa esposa e um filho de 17 anos, era um homem grande de 120 quilos e 1,83 de altura, disse à imprensa polonesa Ariel Zurawski, dono de uma empresa de transporte instalada perto de Gryfino, no noroeste da Polônia.

“Não há pessoa que teria razões para fazer isso”, garantiu. O homem morto era seu primo, a quem conhecia desde a infância.

Imediações da praça Breitscheid, em Berlim, onde aconteceu o ataque na noite desta segunda-feira (12) (Foto: Fabrizio Bensch/Reuters)
Imediações da praça Breitscheid, em Berlim, onde aconteceu o ataque na noite desta segunda-feira (12) (Foto: Fabrizio Bensch/Reuters)

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *