‘A mulher é antes de tudo mãe’, diz presidente turco no Dia da Mulher

O presidente islamita-conservador turco Recep Tayyip Erdogan celebrou nesta terça-feira (8) o Dia Internacional da Mulher proclamando publicamente sua convicção de que “a mulher é antes de tudo mãe”.

“Sei que haverá pessoas que ficarão aborrecidas, mas, para mim, a mulher é, antes de tudo, mãe”, declarou Erdogan ante uma audiência formada por mulheres, que o aplaudiram de pé em Ancara.

Erdogan, que dirige a Turquia desde 2002, criticou o sistema capitalista, ao qual acusa de “escravizar” as mulheres por razões econômicas, e insistiu na necessidade de salvaguardar a família.

“Não se pode libertar a mulher mediante a destruição da noção de família”, afirmou, pontuando seu discurso com versos do Corão para exaltar as virtudes da maternidade.

Não é a primeira vez que o presidente turco faz declarações polêmicas sobre as mulheres. Ele já disse que as feministas nada têm a ver com a religião e a civilização muçulmanas e que a igualdade de gênero “vai contra a natureza”.

Também defende o uso do véu e descreve o aborto como “um crime contra a humanidade”.

tayyip-erdogan
O premiê da Turquia Tayyip Erdogan (Foto: Osman Orsal/Reuters)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *