Torcedora do Palmeiras faz tatuagem em homenagem à ‘Chape’ em Poços

A nona tatuagem da assistente de produção de eventos, Paula Narahyane Souza Franco, deveria ser para comemorar a conquista do time do coração, o Palmeiras, após a conquista do nono título de campeão brasileiro, quando venceu a Chapecoense por 1 a 0. Mas depois do acidente com o avião que levava a delegação da equipe catarinense até a Colômbia, na madrugada da última terça-feira (29), a homenagem acabou sendo destinada a outro alviverde.

– Eu tenho cinco tatuagens do Palmeiras e eu ia fazer uma com todos os anos que o Palmeiras foi campeão brasileiro, mas não deu nem tempo de planejar muito, porque na terça-feira aconteceu o acidente e eu resolvi homenagear a Chapecoense – explicou Paula.

palmeirense tatuagem chapecoense poços de caldas (Foto: Lúcia Ribeiro)
Homenagem à Chape divide espaço com tatuagem do Palmeiras (Foto: Lúcia Ribeiro)

Antes de dar início ao serviço, o tatuador Rodrigo Marques perguntou: “está certa disto?”. A resposta veio em um supetão: “Mais do que certa”, disse Paula. E ela completou dizendo que a tragédia fez nascer união entre torcidas de todos os clubes.

– Ficou provado na quarta-feira, com o Atlético Nacional, que nem é do Brasil que fez uma homenagem maravilhosa. O pessoal na Arena Condá fez uma missão e muitas homenagens e tudo isso uniu torcedores de todos os times. Está todo mundo nessa, até o Corinthians colocou verde no site deles, uma coisa que nunca se viu antes. Essa é a essência do futebol: união, amor solidariedade.

Dos jogadores que estavam no avião, a palmeirense chegou a conhecer o volante Josimar, quando ele defendeu o Palmeiras em 2014.

– Eu vou muito aos jogos e a gente acaba vendo os jogadores saindo do vestiário, a gente corre para fazer uma foto, para tentar um contato. Então, a gente fica lembrando o momento em que já esteve perto, daquele momento em que teve um abraço e agora acontece isso. É muito triste. Mexeu muito comigo.

Os traços finos com o dizer “Chape” seguido de um coração foram delicadamente sendo marcados em verde na pele da torcedora por um tatuador corintiano.

– Achei bacana a homenagem que ela fez. Ainda mais a Paulinha que é bem ligada ao futebol. Mesmo por ser mulher, às vezes, as pessoas têm um preconceito, mas pelo que eu conheço ela, desde a primeira tatuagem do Palmeiras que eu fiz nela, já deu para ver que ela era bem ligada ao futebol. E, independente do time que você torce, isso foi um momento muito triste para cada um. Uma coisa que a gente não gostaria que tivesse acontecido, mas infelizmente teve essa tragédia – afirmou o tatuador Rodrigo Marques.

palmeirense tatuagem chapecoense poços de caldas (Foto: Lúcia Ribeiro)
Palmeirense faz tatuagem em homenagem à ‘Chape’ com tatuador corintiano em Poços de Caldas (Foto: Lúcia Ribeiro)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *