Thiago Neves garante Cruzeiro confiante para jogo contra o Flu: “Quarta-feira é guerra”

Para manter a hegemonia na Copa do Brasil, o Cruzeiro tem duelo decisivo na próxima quarta-feira. A Raposa vai receber o Fluminense, no Mineirão, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, às 21h30 (de Brasília). Na partida de ida, os dois times empataram por 1 a 1, no Maracanã. O discurso entre os jogadores cruzeirenses é um só: dar a vida em campo pela classificação.

Thiago Neves garantiu o Cruzeiro determinado por classificação na Copa do Brasil   — Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro
Thiago Neves garantiu o Cruzeiro determinado por classificação na Copa do Brasil — Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro

A equipe comandada por Mano Menezes vem de uma sequência negativa na temporada de seis jogos sem vitória (quatro derrotas e dois empates), contando Brasileirão, Copa do Brasil e Libertadores. Entretanto, o Cruzeiro se apega ao bom rendimento em competições mata-mata no último ano.

Um dos jogadores mais relevantes nas últimas duas conquistas da Copa do Brasil, o meia Thiago Neves afirmou que seria um alívio grande conquistar a vaga na quarta-feira. Ele garante que não vai faltar entrega por parte dos jogadores para buscar a classificação.

“Vai ser um alívio (classificar na quarta), pois a gente vem de resultados ruins, e acho que o torcedor quer mais do que todo mundo essa classificação. O torcedor esperou por esse momento, por esse jogo, vai ao Mineirão para nos incentivar e pode ter certeza que vamos buscar classificar. Vamos nos empenhar, correr, fazer um bom jogo e mostrar para nossa torcida o quanto eles são importantes”, disse Thiago.

“Quarta-feira é guerra, e nós estaremos preparados” – Thiago Neves

O meia ainda avaliou que o time já evoluiu bastante no último jogo, contra o São Paulo, mas que as finalizações ainda precisam precisam ser ajustadas. Para Thiago Neves, o time tem criado bastante, mas tem faltado a calma necessária para o gol sair. Entretanto, o jogador confia que isso será ajustado para quarta-feira.

“Falta melhorar as finalizações. Tranquilidade para finalizar, achar o companheiro. O problema é ali mais perto do gol, o resto está perfeito. O time está marcando bem, criando bem, então acho que só precisa se concentrar ali na frente do gol, para a fase boa voltar. É não ficar nervoso ali na frente do gol, estar tranquilo e, se estiver alguém melhor colocado, passar a bola, para a gente sair classificado, nem que seja por 1 a 0”, concluiu.

Fonte: Globo Esporte / Foto: Igor Sales/Cruzeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *