Temporada começou com mudanças para o Flamengo

O Flamengo se reapresentou na última quinta-feira (3) e deu o primeiro passo para a temporada 2019. Uma das novidades do Rubro-Negro é o técnico Abel Braga, que chega para substituir Dorival Júnior. E esta não será a primeira passagem do treinador pela Gávea. Ele comandou o time rubro-negro em 2004, conquistando o Campeonato Carioca daquele ano e chegando à final da Copa do Brasil (perdeu para o Santo André).
Abel nunca escondeu o carinho que tem pelo Fluminense, clube onde deu os primeiros passos no futebol, e Internacional, onde conquistou a Libertadores e o Mundial. Porém, sempre admitiu que o Flamengo foi o clube que impulsionou a carreira dele como treinador e, nesta segunda passagem, afirmou que o time tem de criar uma identificação maior com a torcida para que os títulos possam ser conquistados. Ele foi apresentado na última quarta-feira (2).
O ano do Flamengo começou com grandes mudanças. O presidente Rodolfo Landim assumiu o clube, que teve mudanças em todas as vice-presidências e promoveu alterações no departamento de futebol, como Marcos Braz de vice e Paulo Pelaipe de gerente.
Durante a campanha, Landim afirmou que o maios objetivo da Chapa Roxa era fazer o Flamengo voltar a ser campeão como em outrora. Com esta proposta, atacou algumas atitudes da gestão de Eduardo Bandeira de Mello, afirmando que o time não seria mais apático e não aceitaria facilmente as derrotas.
Novo Reforço
Até o momento, apenas um reforço foi anunciado: o zagueiro Rodrigo Caio. O Flamengo investiu cinco milhões de euros (cerca de R$ 22 milhões) para adquirir 45% dos direitos do zagueiro e assinar um vínculo até 2023.
No mercado
O Flamengo ainda busca novos nomes para o elenco. Houve uma proposta pelo zagueiro Dedé, do Cruzeiro, mas o clube mineiro não avançou nas conversas diante dos valores apresentados.
Estão nos planos
O goleiro Diego Alves, que terminou a última temporada treinando em horários alternativos em relação ao restante do elenco após um ato de indisciplina e uma áspera discussão com o técnico Dorival Júnior, se reapresentou e treinou com o restante dos companheiros.
Deram Adeus
Ao mesmo tempo que novos nomes chegaram, alguns deixaram o Rubro-Negro. O volante Rômulo foi emprestado ao Grêmio, enquanto o meia-atacante Matheus Savio foi para o CSA. Já o zagueiro Réver foi envolvido em uma negociação entre Internacional, Flamengo e Atlético-MG e selou o retorno ao Galo, onde foi campeão da Libertadores de 2013.
Os atacantes Geuvânio e Marlos Moreno não tiveram os contratos de empréstimo renovados e deram adeus ao Rubro-Negro.

Fonte: Lance

Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *