Minas perde para Istambul e fica com vice-campeonato do Mundial de Clubes de vôlei feminino

Não deu para o Minas na decisão do Mundial de Clubes de vôlei feminino. O time lutou até o final, mas acabou derrotado pelo Istambul por 3 sets a 0, na manhã deste domingo, em Shaoxing, na China, ficando com o vice-campeonato. Atuais campeãs do torneio, as turcas conquistaram o torneio pela terceira vez com parciais de 25 a 23, 25 a 21 e 25 a 19. O Istambul também havia sido campeão em 2013.

A chinesa Ting Zhu, campeã olímpica, mais uma vez desequilibou para as turcas, terminando a partida como a maior ponturadora, com 21 pontos. Gabi foi a maior pontuadora brasileira, com 16 pontos. A oposta Bruna Honório veio logo depois, com 15 pontos.

Oposta Ting Zhu e ponteira Kelsey foram as maiores pontuadoras do Istambul na partida — Foto: Divulgação FIVB
Oposta Ting Zhu e ponteira Kelsey foram as maiores pontuadoras do Istambul na partida — Foto: Divulgação FIVB

Essa foi a segunda vez que o Minas “bateu na trave” no Mundial de Clubes. O time já havia sido vice-campeão em 1992. Na edição de 2018, outra equipe mineira também representou o Brasil na competição. Na disputa pelo terceiro lugar, o Praia Clube, de Uberlândia, perdeu para o Eczacibasi, também da Turquia, por 3 sets a 0 (parciais de 25/16, 25/18 e 25/19).

Primeiro set

O jogo começou com o Minas na frente, em boa passagem da central Mayany pelo saque, que iniciou a partida entre as titulares. Não demorou muito e as turcas reagiram, equilibrando o jogo. Explorando os erros das brasileiras e defendendo muito bem, o Istambul ficou à frente do placar na maior parte do tempo e conseguiu fechar o primeiro set por 25 a 23. A ponteira do Minas, Gabi, mais uma vez foi o principal nome do time, marcando nove pontos.

Segundo set

No segundo set, o bloqueio do Minas funcionou e o time chegou a abrir pequena vantagem no início. Porém, o Istambul mostrou ser um time cheio de recursos e tomou a frente no marcador, fazendo 8 a 7. O set sinalizava para um equilíbrio, até o Minas acumular erros e ver o adversário ganhar folga no placar, abrindo cinco pontos de vantagem.

No final, a ponteira Natáli teve boa passagem pelo saque e o Minas esboçou uma reação, conseguindo diminuir a diferença. As turcas não se abateram e fecharam em 25 a 21. Destaque para a oposta Lonneke Slöetjes, que virou bolas importantes e marcou cinco pontos no set.

Terceiro set

Com vantagem no jogo, o último set foi marcado pelo domínio das turcas, que venceram com tranquilidade por 25 a 19. O Minas não conseguiu reagir, ficando atrás do placar durante todo o tempo. Com boas viradas de bolas e aproveitando a força da oposta chinesa Ting Zhu, o Istambul não deu chances para as brasileiras e manteve a hegemonia do voleibol turco no cenário mundial.

 Istambul conquistou o tricampeonato mundial, o segundo de forma consecutiva  — Foto: Divulgação FIVB
Istambul conquistou o tricampeonato mundial, o segundo de forma consecutiva — Foto: Divulgação FIVB

Fonte: Globo Esporte / Foto: Divulgação FIVB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *