Galo e Inter duelam para manter sonho de mais uma Libertadores

Clube centenário. De origem popular. Vencedor nacional nos anos 70. Cedeu um volante no histórico meio-campo da Seleção Brasileira que encantou na Copa do Mundo de 1982. Reencontrou as conquistas nos anos 90. Vencer a Copa Libertadores em um passado mais recente foi revigorante, com uma sequência positiva de títulos. A descrição serve tanto para Atlético quanto para Internacional.

A trajetória de ambos se assemelha no futebol. Os gaúchos têm a taça do Mundial de Clubes como grande diferencial. A ambição alvinegra de igualar este feito passa pelo confronto desta quarta-feira. Ambos duelam pelas oitavas de final da Copa Libertadores, às 22 horas, no Independência.

Galo e Colorado chegam ao confronto com moral elevada por conta dos recém-conquistados títulos mineiro e gaúcho. O Atlético deve repetir a escalação da vitória contra a Caldense. Levir Culpi tem a possibilidade de manter os mesmos 11 titulares. No banco de reservas, o treinador ganha opções ofensivas importantes – Thiago Ribeiro e Giovanni Augusto, que foram acionadas na decisão do Estadual mas não estavam inscritos na primeira fase da Libertadores.

“Dá para se esperar um grande jogo. É um clássico nacional. A gente espera fazer uma grande partida para vencer e decidir na casa do adversário”, destaca o capitão Leonardo Silva.

O zagueiro alvinegro herdou a faixa do seu antigo companheiro Réver, que agora defende o Colorado e pode ter passado informações importantes para o técnico Diego Aguirre. Mas dentro de campo, o ex-atleticano não poderá ser útil, já que não foi relacionado pelo comandante uruguaio. Ele se recupera fisicamente após uma entorse no tornozelo direito.

Outro medalhão que fica fora do jogo é o meia Anderson, revelado pelo Grêmio, com passagem pelo Manchester United, da Inglaterra. O Inter ainda tem dois desfalques no time titular: o lateral-esquerdo Geferson e o atacante Nilmar, por lesão. Alan Rushel e Jorge Henrique devem substituí-los.

20150505161303303500a

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *