Flamengo perde, mas continua líder; Cruzeiro, Corinthians e Galo vencem

O Brasileirão chegou em sua 5ª rodada recheado de gols e com três times na liderança.

A rodada teve início no sábado com um único jogo. O Internacional visitou o Grêmio na Arena e montou uma barreira defensiva durante toda a partida. O Grêmio tentou de todos os lados mas não conseguiu furar o bloqueio colorado e o jogo terminou empatado em 0x0. Fora dos gramados, Renato Gaúcho criticou a postura do Inter e disparou: “Joga como time pequeno. Foi um time grande de primeira divisão contra um de segunda divisão”. O treinador colorado não deixou barato e alfinetou: “Viemos para cá com uma situação que seria 5 a 0, 7 a 0. Não há jogo jogado. Cada jogo tem uma história”.

No domingo de manhã, o Cruzeiro recebeu o Sport no Mineirão, e com um gol em cada tempo, somou mais 3 pontos na tabela e saltou para a oitava posição. Dedé, que levou o terceiro amarelo e está fora do clássico, e Arrascaeta, foram os responsáveis pela vitória celeste.

As 16 horas, Bahia e São Paulo fizeram um belo jogo entre tricolores e empataram por 2×2 na Fonte Nova. O Gol salvador marcado por Shaylon aos 47 do segundo tempo, deixou o São Paulo ainda invicto no campeonato. Destaque da partida, Edigar Junio marcou os dois gols para os baianos. Os Atléticos se enfrentaram na Arena da Baixada, e quem levou a melhor foi o Mineiro, que com gols de Bremer e Róger Guedes, na segunda etapa, virou para cima dos paranaenses e somou três pontos na disputa. Pablo foi quem marcou pelo furacão. O que chamou atenção na partida foi o goleiro Santos que foi flagrado mexendo no celular no meio do jogo.

santos celular atlético-PR
Mesmo com luvas, o goleiro do Atlético-PR manuseou o celular enquanto a bola estava rolando / Foto: Reprodução

Em Chapecó, na Arena Condá, a Chapecoense levou a melhor pra cima do líder Flamengo e venceu a primeira partida na competição, por 3×2. Mesmo perdendo o Flamengo continua na liderança, mas viu o Corinthians e o Galo chegarem aos mesmos 10 pontos do Rubro-Negro. O Flamengo, com os reservas, levou um passeio em campo, da Chape e de Apodi, maestro da partida.

Quando o momento não é bom, nada dá certo. O Vasco perdeu mais uma, dessa vez para o Vitória, em casa, por 3×2. O Vitória aproveitou um erro bizarro de Desábato e um gol contra de Werley para sair vitorioso. André Lima e Lucas Fernandes marcaram para o Rubro-Negro, enquanto Pikachu e Andrés Ríos descontaram para o Vasco.

Desta vez, sem polêmicas, o Corinthians voltou a bater o Palmeiras em Itaquera, por 1×0. Em quatro duelos no ano, três vitórias alvinegras. Rodriguinho foi o autor do gol da vitória – o terceiro dele contra o Palmeiras este ano. o Timão chegou aos 10 pontos e empatou com o líder Flamengo, perdendo apenas no saldo de gols, 6×5.

Mais tarde, às 19 horas, o Santos venceu com tranquilidade o Paraná por 3×1 e deixou a zona de rebaixamento. Por outro lado, o Paraná segue na lanterna com apenas 1 ponto em cinco partidas. Pelo Santos, Gabriel (com dois gols) e Eduardo Sasha (duas assistências) foram os destaques, Rodrygo também deixou sua marca. Já nos acréscimos, Silvinho descontou para o Paraná.

Dois jogos fecham a rodada nesta segunda-feira (14). O clássico carioca entre Botafogo x Fluminense, no Engenhão e Ceará x América, no Castelão, ambos as 20 horas. O América se vencer, pode assumir a quarta ou quinta posição. O Fluminense se conquistar a vitória no clássico, chega aos 10 pontos e dividirá a liderança com Flamengo, Corinthians e Atlético Mineiro.

Confira tabela de classificação

Redação CSul – Iago Almeida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *