Equipes do Sul de Minas fazem as contas para fugir da degola no Mineiro

Caldense enfrenta dois adversários do interior nas rodadas finais do Estadual (Foto: Douglas Magno)
Caldense enfrenta dois adversários do interior nas rodadas finais do Estadual (Foto: Douglas Magno)

A campanha dos times do Sul de Minas no Campeonato Mineiro é praticamente idêntica. Até aqui, Boa Esporte, Caldense e Tricordiano conquistaram 10 pontos e estão na parte do meio da tabela, longe da classificação para as semifinais, mas bem próximos da zona de rebaixamento. No entanto, a duas rodadas do fim do Estadual, as equipes fazem contas e analisam a tabela para tentar prever o que pode acontecer.

Além do empate nos pontos, a igual acontece também no número de vitórias, com três para cada uma. A decisão cai então para os outros critérios de desempate. O Boa Esporte tem mais gols marcados (10, contra 9 dos rivais), mas também sofreu mais (17, contra 11), o que o deixa abaixo no saldo de gols, com sete negativos, contra dois negativos de Caldense e Tricordiano.

Como mesmo assim a Veterana e o Galo de Três Corações ficam empatados, o próximo critério é o confronto direto. Aí a equipe alviverde sai na vantagem, já que venceu o jogo contra o Tricordiano por 3 a 1, jogando no Ronaldão, ainda na quinta rodada do Mineiro.

Tricordiano enfrenta o Galo Carijó, no Elias Arbex, e depois o Galo no Horto (Foto: Divulgação Tricordiano)
Tricordiano enfrenta o Galo Carijó, no Elias Arbex, e depois o Galo no Horto (Foto: Divulgação Tricordiano)

Na sequência
No entanto, mais importante do que a tabela neste momento, são os dois jogos finais do Estadual. Duas vitórias podem não só garantir as equipes no Módulo I, como também uma vaga para a Série D – com exceção ao Boa, que vai disputar a Série C do Brasileirão.

Quem tem o caminho, em tese, mais fácil, é a Caldense, que não enfrenta mais os times da Capital. Na 10ª rodada, a Veterana recebe o Tombense no Ronaldão, em Poços de Caldas. Depois, vai Juiz de Fora enfrentar o Tupi-MG, que atualmente está na zona de rebaixamento, com um ponto a menos que os times sulmineiros.

O confronto entre Tricordiano e Tupi-MG no próximo sábado, será um verdadeiro confronto direto na luta de escapar de uma possível queda para o Módulo II. A vitória é essencial para a equipe de Três Corações, que depois tem um duro confronto fora de casa, já que enfrenta o Atlético-MG no Estádio Independência, em Belo Horizonte.

Mas quem tem uma difícil missão pela frente mesmo é o Boa Esporte. O time de Varginha vai ter pela frente o América-MG, jogando fora de casa, e depois vai receber o Cruzeiro, no Estádio Melão. Para que a equipe não fique muito pressionada na última rodada, uma vitória contra o Coelho é considerada fundamental nas rodadas finais.

Em um cenário mais otimista, as três equipes do Sul de Minas podem escapar do rebaixamento já nesta rodada. Para isto, além de cada um vencer os seus jogos, os clubes da região precisam torcer por uma vitória do líder Cruzeiro sobre o lanterna Guarani-MG.

No próximo sábado, às 19h, a Caldense recebe o Tombense e o Tricordiano enfrenta o Tupi. Já o Boa Esporte enfrenta o América-MG, às 18h de domingo, no Estádio Independência.

Boa Esporte enfrenta duas equipes da capital das rodadas finais (Foto: Régis Melo)
Boa Esporte enfrenta duas equipes da capital das rodadas finais (Foto: Régis Melo)

Fonte: Globo Esporte Sul de Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *