Decisão: Lateral chileno Mena decidirá se continua no Cruzeiro ou assina com São Paulo

A renovação de contrato de Mena depende totalmente da vontade do lateral chileno
A renovação de contrato de Mena depende totalmente da vontade do lateral chileno

O São Paulo quer contar com Mena para a próxima temporada. O contrato de empréstimo do lateral esquerdo termina em dezembro e a ideia da diretoria tricolor é contratar o chileno em definitivo por dois anos. Mena também já manifestou o desejo de permanecer no clube do Morumbi, mas, para isso, terá de convencer o Cruzeiro e seu empresário a baixar pedida para que o acordo seja selado.

Marco Aurélio Cunha é quem está à frente das negociações e já deixou claro ao atleta que topa fechar um contrato com um leve aumento salarial e até com ressarcimento ao atual dono dos seus direitos econômicos. Mas, o São Paulo avisou que não fará loucuras e, se os valores pedidos – ainda mantidos em sigilo – não forem reconsiderados, o clube não exitará em devolvê-lo ao time de Belo Horizonte.

Agora, está tudo nas mãos de Mena. Os dirigentes são-paulinos sequer entraram em contato com os cruzeirenses e esperam que o próprio atleta encontre uma solução, caso realmente tenha o desejo de continuar defendendo a equipe do Morumbi.

Mas, se não falou com o Cruzeiro sobre Mena, a conversa aconteceu por causa de outro jogador. William interessa ao São Paulo e deve deixar a Raposa em janeiro. O problema é que o salário alto do atacante e a recusa dos mineiros em aceitar Michel Bastos como moeda de troca praticamente encerraram as possibilidades, pelo menos por enquanto.

O planejamento do São Paulo para 2017 já começou. O clube negocia com Nilmar, e trabalha com outras opções do mercado para reforçar o grupo, que ainda tem mais seis jogos a fazer no Campeonato Brasileiro, mas praticamente já acabou com o risco de rebaixamento, que era o único objetivo neste fim de ano melancólico do clube.

Fonte: Super Esportes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *