Coronavírus no esporte: Luta de Amanda Ribas sem público

Redação CSul – Alisson Marques/Foto: UFC Divulgação

Uma das maiores pandemias mundiais, o coronavírus segue atormentando e assombrando o mundo todo, tal fato chegou até o esporte. Até o início da semana mais de 40 modalidades esportivas já tinham sido suspensas, paralisadas, adidas, canceladas ou realizadas com portões fechados. Desta vez, o UFC anunciou o evento do próximo sábado (14), com portões fechados.

UFC Brasília com portões fechados: 

O UFC anunciou na manhã desta quinta-feira (12), que o próximo Card no dia 14, em Brasília, no Distrito Federal será com portões fechados.

  • Luta de Amanda Ribas sem público

A varginhense, Amanda Ribas que irá lutar no próximo sábado (14) na modalidade não terá apoio de torcedores. Com o Covid-19 se alastrando rapidamente pelo mundo, o UFC decidiu que o evento não terá público. Essa é a primeira vez que um card do UFC terá portões fechados. O acordo foi feito entre a organização do evento, a arena que administra o local e o governo do DF.

O “Media Day” também foi cancelado. O evento conta com a presença dos 24 lutadores e mais 80 credenciados. A pesagem cerimonial com as famosas encaradas também foram canceladas.

Até mesmo a pesagem oficial que feita um dia antes da luta e, é aberta para cerca de 100 pessoas, será fechada.

O Ginásio Nilson Nelson que esperava receber mais de 15 mil pessoas, ficará vazio

Ginásio Nilson Nelson não receberá público/Foto: Diego Marques/Globoesporte

Confira as lutas:

Peso-mosca: Jussier Formiga x Brandon Moreno
Peso-palha: Amanda Ribas x Randa Markos
Peso-meio-médio: Elizeu Capoeira x Alexei Kunchenko
Peso-galo: Rani Yahya x Enrique Barzola
Peso-mosca: Mayra Sheetara x Maryna Moroz
Peso-mosca: Bruno Bulldoguinho x David Dvorak
Peso-galo: Veronica Macedo x Bea Malecki
Peso-leve: Kevin Lee x Charles do Bronx
Peso-meio-médio: Demian Maia x Gilbert Durinho
Peso-leve: Renato Moicano x Damir Hadzovic
Peso-meio-pesado: Johnny Walker x Nikita Krylov
Peso-leve: Francisco Massaranduba x John Makdessi

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *