Contra o Colo Colo, Atlético tem a missão de fazer o ‘raio cair pela quinta vez no mesmo lugar’

20150421181517134561u_750x405O histórico recente de viradas embala o Atlético na missão de bater o Colo Colo por pelo menos dois gols de diferença para avançar às oitavas de final da Copa Libertadores. O otimismo é grande: “O raio cairá pela quinta vez no mesmo lugar”, sentenciou o goleiro Victor, em referência aos jogos contra Newell’s, Olimpia, Corinthians e Flamengo – os dois primeiros pela Libertadores de 2013 e os últimos pela Copa do Brasil do ano passado. Nessas partidas, o Galo conseguiu buscar o resultado necessário em casa. O compromisso decisivo contra os chilenos será nesta quarta-feira, às 19h45, no Independência.
Precisando do resultado, o Atlético mandará a campo um time ofensivo. Protagonista na vitória do Galo sobre o Cruzeiro, Guilherme será titular na vaga do suspenso Leandro Donizete. Com a entrada do armador, Dátolo atuará mais recuado, ao lado de Rafael Carioca.

Além de Donizete, suspenso, o Galo não terá o zagueiro Leonardo Silva e o lateral-direito Marcos Rocha. Ambos não se recuperaram de lesões e estão vetados para o jogo desta quarta-feira. Edcarlos joga na zaga e Patric assume a vaga na lateral.

Com uma formação ousada, o Galo tem que se precaver do contra-ataque rival. Esse veneno já foi sentido na partida contra o Atlas, quando os mexicanos venceram no Horto por 1 a 0. “Sempre o primeiro gol será o mais difícil. Temos que pressionar, fazer o primeiro gol rápido. Mas sempre jogando de forma ordenada, não podemos dar chances a eles no contra-ataque”, frisou o atacante Lucas Pratto.

Os atleticanos estão preparados para uma retranca dos chilenos. “Acho que eles vão vir fechados. Vai ser um jogo tão complicado como foram os outros. Será um jogo de paciência. É preciso ter calma, frieza. Quando a bola rola, as circunstancias mudam. Vamos entender o jogo, fazer o que tem que fazer”, afirmou o meia Guilherme.

Para ser primeiro da chave, o Atlético tem de golear os chilenos por pelo menos quatro gols de diferença, desde que o Santa Fe perca em casa para o Atlas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *