Com pior defesa do Mineiro, Boa Esporte trabalha para reverter situação

A derrota de 5 a 1 para o Atlético-MG no final de semana ainda repercute entre os jogadores do Boa Esporte. Após 4 rodadas do Campeonato Mineiro, a equipe tem a pior defesa da competição, com 10 gols sofridos. A média é de 2 gols sofridos por partida. O saldo de 6 gols negativos fez com que a equipe caísse na tabela e ocupasse a 11ª posição, mesmo estando empatada com mais três times com 3 pontos ganhos.

– A gente fica envergonhado por esses dados, a equipe não tinha levado essa goleada, mexe com o brio da gente. Todo mundo aqui tem vergonha na cara. Temos que trabalhar para evitar essa situação, para que isso não volte a acontecer. A gente sabe que 10 gols é muito para quatro jogos. Agora é procurar nesses (jogos) restantes, sair sem levar gols. A gente vem focando nisso para trabalhar durante a semana para que isso não aconteça mais – disse o goleiro Glaycon.

No entanto, não é apenas para a defesa que a pressão está grande. Para reverter a situação, a partir de agora, além de fechar o gol, o ataque do Boa Esporte também vai precisar funcionar.

– A gente tem que fazer. Já tomou 5 e agora tem que reverter esse placar e fazer muito bem para conseguir a vitória – disse o atacante Roberto Jacaré.

O Boa Esporte volta a campo no próximo domingo (28), às 17h, contra o Villa Nova, em Nova Lima.

Boa Esporte tenta reverter situação de pior defesa do Campeonato Mineiro (Foto: Régis Melo)
Boa Esporte tenta reverter situação de pior defesa do Campeonato Mineiro (Foto: Régis Melo)

Fonte: Globo Esporte/ Sul de Minas

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *