Atlético vence e se distancia da degola; Fábio salva Cruzeiro de derrota

Atlético-MG vence Goiás no Mineirão, enquanto Cruzeiro arranca empate na Arena da Baixada contra o Athletico Paranaense

Atlético Mineiro e Cruzeiro entraram em campo pela 31ª rodada da Série A do Brasileirão, nesta quarta-feira (6). Melhor para o Galo que derrotou o Goiás no Mineirão, por 2×0. A Raposa perdeu a chance de se distanciar do Z4, empatou com o Athlético Paranaense, por 0x0. Poderia ser pior, já que Sassá acabou expulso após ajeitar bola com o braço antes de marcar na Arena da Baixada. A jogada foi anulada e o atacante cruzeirense foi mais cedo pro chuveiro.

Atlético

Pressionado após três jogos sem ganhar, o Atlético se impôs diante do Goiás e venceu por 2×0 na volta ao Mineirão. Marquinhos, que fez sua estreia no estádio, abriu o placar, e Bruninho selou a vitória. O Galo volta a subir na tabela e a se afastar da zona de rebaixamento. Com 39 pontos, o Atlético respira.

Yago Rocha disputa bola com Otero
Yago Rocha disputa bola com Otero (Foto: Twitter/Mineirão)

Cruzeiro

Fábio foi o responsável pelo ponto que o Cruzeiro levou para Belo Horizonte após partida complicada na Arena da Baixada. Com várias defesas difíceis, o goleiro cruzeirense segurou o empate em 0x0 com o Athletico Paranaense. Resultado impediu o Furacão de chegar ao G-6 e afastou a Raposa um pouco mais do Z4. Sassá foi expulso após ajeitar a bola com a mão e mandar para as redes. O VAR revisou e o atacante levou o segundo amarelo.

athletico x cruzeiro arena da baixada
athletico x cruzeiro arena da baixada (Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo)

Clássico

No próximo domingo (10) o Cruzeiro recebe o Atlético Mineiro no Mineirão para um um clássico quente que promete lotar o estádio. Mas, as duas equipes têm preparações importantes durante a semana para o jogo das 16h.

Abel Braga deixou aberta a possibilidade de Léo retornar à equipe titular diante do maior rival. O motivo? A experiência do defensor, de 31 anos, que está na Toca desde 2010. Assim como na zaga, a lateral-esquerda sofreu mudança. Diante do Bahia, Dodô foi titular. Contra o Athletico-PR, Egídio foi o escolhido.

O diretor jurídico do Atlético-MG, Lásaro Cândido, usou as redes sociais na manhã desta quinta-feira para alfinetar o rival Cruzeiro. Na semana de clássico, Lásaro usou a entrevista coletiva do técnico do Cruzeiro, Abel Braga, para desabafar sobre sobre arbitragem: “O clube levou o Mineiro na “mão grande”. Ganhou um pênalti contra o Inter, deveria ter jogador expulso contra o Bahia. A lista de favorecimento na era do VAR… chega próximo do clássico e já começaram…” – publicou o diretor do Galo.

Léo voltou a jogar diante do Bahia, no domingo — Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro
Léo voltou a jogar diante do Bahia, no domingo — Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro

Redação CSul – Iago Almeida / Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *