Amanda Ribas é excluída de card do UFC por suspeita de doping

A lutadora Amanda Ribas foi excluída do card do TUF Finale do UFC, que acontece no dia 7 de julho em Las Vegas, nos Estados Unidos. Conforme nota oficial divulgada no site do UFC, o motivo é um suposto caso de doping da lutadora.

Conforme a nota do UFC, a franquia foi notificada pela Agência Norte-Americana de Antidoping (USADA, em inglês) sobre uma possível violação da política antidoping cometida pela lutadora, referente a uma amostra recolhida fora do período de competição, no dia 7 de junho.

Por causa dessa suspeita e a proximidade do evento, o UFC disse no comunicado que Amanda Ribas foi removida do card e agora será substituída por outra lutadora. Ainda conforme a nota, a USADA vai administrar o processo de julgamento no caso envolvendo Amanda Ribas.

Amanda Ribas, que é de Varginha (MG), faria sua estreia no UFC contra a compatriota Ju Thai no TUF 25 Finale. Uma das principais revelações do MMA feminino, ela assinou contrato com a franquia em maio deste ano.

Em contato com a produção da EPTV Sul de Minas, afiliada Rede Globo, o pai e empresário de Amanda Ribas, Marcelo Ribas, disse que a suspeita está relacionada a uma troca de suplementos utilizados pela atleta e que o staff dela tentará reverter a decisão.

Lutadora Amanda Ribas é excluida de card do UFC (Foto: Alexandre Valle/Max Fight)

Fonte: Globo Esporte Sul de Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *