Oprah Winfrey doa R$ 65 milhões para ajudar a combater a Covid-19

“Mesmo quando o vírus já não estiver aqui, a devastação deixada por pessoas sem trabalho há meses, que viveram salário a salário e gastaram as poupanças — essas pessoas vão precisar de ajuda. Olhem para o vosso bairro e vejam como podem servir e onde o vosso serviço é essencial. Esse é realmente o trabalho essencial para ajudar essas pessoas”, afirmou à Associated Press.

Depois de conversar com a prefeita de Chicago, Lori Lightfoot, e outros líderes, Winfrey decidiu dar cinco milhões de dólares (cerca de 25 milhões de reais) para a Live Healthy Chicago, que oferece apoio imediato a idosos e residentes de alto risco afetados pelo coronavírus.

Em Nashville, onde Winfrey viveu com o pai e começou a carreira na TV, vai doar dois milhões de dólares (cerca de 10 milhões de reais) à NashvilleNurtures, uma colaboração entre a Igreja Baptista de Mout Zion e a Universidade Estatal de Tennessee, que planeja alimentar 10.000 famílias dentro e à volta da cidade.

Em Milwaukee, onde viveu com a mãe, Winfrey está a ajudar aqueles que precisam de apoio à habitação e cuidados de saúde mental, com uma doação de 100.000 dólares (580 mil reais).

Em Baltimore, onde continuou construindo sua carreira, vai doar dinheiro à Fundação Living Classrooms e ao Centro para Famílias Urbanas, enquanto no Mississipi vai oferecer 115.000 dólares (600 mil reais) ao Clube de Meninos e Meninas do Este do Mississípi.

“Não sou contra grandes organizações dispensarem dinheiro, mas gosto sempre de fazer trabalho de campo no terreno. Quero poder alcançar pessoas que estiveram presas e que estão saindo da prisão. Quero chegar a mães vítimas de violência doméstica, quero chegar a pessoas. Quero alimentar pessoas. Quero ajudar pessoas a terem acesso aos testes [de covid-19]”, continuou.

Winfrey disse que tem estado em confinamento domiciliar desde 11 de março, quatro dias depois de ter terminado uma ‘tour’ de bem-estar por nove cidades.

A apresentadora anunciou a criação do Fundo de Combate à covid-19 no mês passado, oferecendo, inicialmente, um milhão de dólares (cerca de 5,7 milhões de reais) ao Fundo Alimentar Norte-americano.

Fonte:Notícias ao Minuto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *