João Gilberto é obrigado a deixar residência no Leblon

Depois de ter sido interditado judicialmente pela filha Bebel Gilberto, em novembro do ano passado, o que o impediu de assinar contratos e movimentar dinheiro por ser entendido como “incapaz” de tomar decisões nesse âmbito, o cantor e compositor João Gilberto, de 86 anos, também foi obrigado a deixar o apartamento onde vivia, no Leblon, zona sul do Rio.

A decisão ocorreu após a herdeira pedir à Justiça que o imóvel fosse arrombado, já que ele resistia em sair, apesar de uma ação de despejo. Não foi necessário.

Depois de algumas conversas, o pai da bossa nova foi convencido, por Bebel, uma amiga e Maria do Céu Harris — que namorou o músico antes de Cláudia Faissol, sua atual mulher —, a se mudar para um apartamento emprestado, na Gávea. As informações da Folha de S. Paulo.

Ainda segundo o jornal, João Gilberto estaria com dívidas que chegam à casa dos R$ 9 milhões, entre aluguéis não pagos e até processos em decorrência do cancelamento de uma turnê, em 2011.

Suas contas bancárias, conforme amigos, estão bloqueadas na Justiça. Algumas pessoas próximas ao cantor e compositor, no entanto, também afirmaram que seu estado de saúde é bom. “Ele me pareceu lúcido”, disse Jorge Jamil, médico de João Gilberto, que o viu há seis meses.

Fonte: Notícias ao Minuto / Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *