Hora do Empreendedor com Ibraim Gustavo – Líderes em exposição fortalecem a marca e a empresa

A sociedade contemporânea nunca viveu uma situação semelhante como a que estamos presenciando em 2020. Empresários, empreendedores, presidentes de empresas e diretores compreenderam que sua exposição era necessária para acalmar o mercado, garantir a investidores a sustentabilidade dos negócios, e alertar o público sobre a manutenção das atividades comerciais.

E é cada vez mais bem-vinda essa exposição de quem faz a empresa, de quem a comanda e a gerencia, de quem faz o seu da-a-dia. Até porque, muitas pessoas e outros empreendedores podem tirar como lição e inspiração a vida e o exemplo desses líderes que vêm à público, especialmente em momentos de crise.

Quando acontece de maneira positiva, a exposição de uma marca, logo ou empresa, sempre beneficia os negócios, colabora com o aumento da lucratividade, e demonstra a força que a empresa tem diante da concorrência.

Esse tipo de exposição geralmente acontece na mídia, em jornais, revistas, sites e blogs especializados, e é mais benéfica quando ocorre de maneira espontânea, ou seja, quando não há pagamento para veiculação do nome ou das ações da empresa.

A exposição dos gestores

Porém, de alguns anos para cá, percebeu-se a necessidade da exposição em público dos fundadores, de sócios, CEOs e diretores de departamentos, ainda que essas aparições sejam por meio virtual, nas redes sociais ou em entrevistas.

E por quê? Pelo fato de que as empresas não são estruturas formadas por máquinas e robôs. Mas são ideias humanas, operadas por humanos e feita para humanos. E humanos preferem lidar com humanos, seja para fechar negócio, seja para comprar, seja para vender.

O atendimento e a exposição humanizados devem ser ativos culturais de uma empresa, e não somente acontecer em uma ou outra campanha. Essa estratégia pode ajudar na venda de produtos e serviços, na melhora da imagem da marca, e até numa colocação privilegiada da empresa frente aos concorrentes.

CEOs e diretores de startups e empresas com pouco tempo de vida têm utilizado dessa estratégia para conversar com o público, quebrar barreiras do desconhecimento, e tentar brigar de igual para igual com as grandes companhias.

E a pandemia mundial de Coronavírus, e a consequente crise econômica provocada pelo isolamento e distanciamento social, fechamento total ou parcial do comércio, indústrias e empresas, fez com que sócios-fundadores, CEOs e diretores de grandes companhias também passassem a fazer mais aparições em público, especialmente em lives e webinars nas redes sociais.

A exposição nas redes sociais

Um estudo feito pela consultoria de negócios Brunswick Group mostrou que ter uma conta em redes sociais é importante para os negócios, especialmente se você é CEO ou está em uma posição de C-level em uma empresa.

Craig Mullaney, sócio do Brunswick Group, afirma que é fundamental que um presidente de uma empresa ou empreendedor façam contato com o público, e esteja onde o público está, incluindo as redes sociais: “A liderança foi fundamentalmente redefinida. Um líder moderno precisa influenciar, inspirar e informar as pessoas com comunicações digitais diretas, envolventes e autênticas”, disse em um comunicado à imprensa.

A exposição da sua empresa

Você, seus sócios e seus colaboradores são o rosto e a alma de sua empresa. Seu público quer conhecer as pessoas que estão por trás do seu negócio, e seus clientes querem saber de quem estão comprando.

Essa proximidade com o público em tempos de calmaria pode ser extremamente benéfica, principalmente no caso de um dia você ou sua empresa enfrentarem uma crise, interna ou externa.

Essa humanização nas relações faz com que você tenha mais liberdade para falar com as pessoas quando precisar.

E se o seu empreendimento tem como cliente outra empresa (B2B), não há porquê não recorrer a essa abordagem, já que o setor de compras para o qual você vende também é formada por seres humanos. E eles querem a sua atenção.

A exposição da liderança, em doses equilibradas e com pautas relevantes, pode beneficiar a marca e a empresa como um todo. Você, empreendedor, deve perceber quando, como, onde e por que vai se expor, sempre zelando pela qualidade da informação que você pretende levar ao público.

Ibraim Gustavo – Jornalista, pós-graduado em Marketing (UNIP) e MBA em Comunicação e Mídia (UNIP). É também escritor, redator e radialista, e possui formação em Profissões do Futuro (plataforma O Futuro das Coisas), e no programa Restartse (plataforma StartSe).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.