Hora do Empreendedor com Ibraim Gustavo – Carreira de sucesso: de estagiários a CEOs

No mundo corporativo temos diversos exemplos de profissionais que tiveram uma carreira de sucesso, e de estagiários, tornaram-se diretores, presidentes e CEOs de suas empresas.

É motivo de orgulho, tanto para o profissional quanto para a própria empresa, ter alguém do seu quadro de funcionário como presidente. Alguém que se conecta com a empresa, que tenha história com ela, que a conheça.

Não somente pela importante função que desempenham no dia-a-dia de uma organização, estagiários têm seu lugar reconhecido pelo talento que podem demonstrar ao longo do processo seletivo, e muito mais depois de contratados.

Muitos estagiários se empenham em mostrar a que vieram, e não se contentam em apenas cumprir as obrigações que lhes foram passadas. Antes, com caráter proativo e desafiador, e almejando uma carreira de sucesso, se colocam à disposição para ajudar em outras tarefas, mesmo aquelas que não lhes cabem diretamente.

Apesar de ser algo cada vez mais difícil, até por conta dos fatores geracionais, estagiários podem, sim, crescer dentro de uma mesma empresa e ter uma carreira de sucesso sem nunca terem trocado de empresa.

O estágio como oportunidade de abrir portas

Quem deseja ter uma carreira de sucesso deve-se atentar sempre às melhores oportunidades que surgirem. Mas, atenção: nem sempre uma boa oportunidade é a melhor para a carreira que o profissional pretende.

Subir de cargo pode ser benéfico para alguém que tenha a intenção de trabalhar na função e na profissão oferecida pela empresa. Mas não necessariamente, é bom para quem, apesar de desempenhar muito bem sua função, tem a intenção de mudar o rumo da profissão, e executar outras tarefas, ainda que na mesma companhia.

Ainda assim, o estágio é um momento na vida do profissional que ele tem a oportunidade de conhecer pessoas, realizar networking, criar laços, capacitar-se, estudar e aprender coisas que não fazem parte do seu cotidiano de trabalho, e conhecer a rotina da empresa e suas mais diferentes divisões.

De estagiários a CEOs: Exemplos de profissionais que tiveram sucesso na carreira

Até hoje nas diversas palestras e convenções das quais participa, Rodrigo Galvão ostenta diante de sua plateia o primeiro crachá que ganhou na empresa onde começou como estagiário.

Hoje presidente da Oracle Brasil, Galvão se orgulha em dizer que a norte-americana foi a única empresa para a qual trabalhou em toda a sua vida.

Atual presidente da Procter And Gamble (P&G) do Brasil, Juliana Azevedo é outro grande exemplo de uma estagiária que aos poucos foi subindo de cargo, e chegou ao posto mais importante da famosa marca de higiene, cosméticos e cuidados pessoais, na divisão brasileira da companhia.

Rodrigo Kede iniciou sua trajetória na IBM em 1993, também como estagiário. Passados quase vinte anos, tornou-se o mais jovem presidente da gigante de TI no Brasil. Atualmente, enfrenta uma luta jurídica nos Estados Unidos: o ex-mandatário da IBM para a américa-latina foi contratado pela concorrente Microsoft para ocupar a mesma função, mas só poderá assumir o cargo em 2021.

Alguns milhões de reais e muitos dados envolvidos, dificultam a saída do brasikeiro para a empresa de Bill Gates.

Ursula Burns é um exemplo para todos os empreendedores – e empreendedoras – do mundo. Começando como estagiária, em 1980, a nova iorquina galgou passo a passo o alto escalão da Xerox, e tornou-se a primeira mulher negra da história a chefiar uma empresa Global Fortune 500, ranking das 500 maiores companhias do planeta.

Aldemir Bendine, que começou a trabalhar no Banco do Brasil como estagiário quando tinha apenas 15 anos de idade, tornou-se presidente da instituição financeira quase 30 anos depois.

De estagiário a CEO, Ivan Zurita é outro nome do empreendedorismo que teve êxito na profissão. O ex-presidente da Nestlé deixou a empresa após 40 anos de serviços prestados, e números impressionantes no currículo, como aumentar em cinco vezes os lucros da companhia suíça no Brasil.

E para fechar nossa lista de ex-estagiários com carreira de sucesso, de 1982 a 2016, passaram 34 anos desde que Roger Ingold entrou como estagiário na divisão brasileira da Accenture, a maior empresa de consultoria do mundo.

Depois de desempenhar inúmeras funções na companhia, Ingold encerrou os últimos doze anos de sua brilhante carreira na Accenture como CEO da empresa no Brasil.

Se você está lendo esse artigo e é estagiário, anime-se porque você também pode ter uma carreira sólida e de sucesso.

Caso você, assim como eu, não tenha tido a oportunidade de estagiar, lembre-se que nunca é tarde para aprender coisas novas, mudar de função, tentar o novo, arriscar-se, e fazer novos contatos e networking.

Exemplos como os citados, nos mostram como uma carreira de sucesso depende do quanto o profissional está disposto a acreditar e se entregar pela causa da empresa para a qual trabalha.

Ibraim Gustavo – Jornalista, pós-graduado em Marketing (UNIP) e MBA em Comunicação e Mídia (UNIP). É também escritor, redator e radialista, e possui formação em Profissões do Futuro (plataforma O Futuro das Coisas), e no programa Restartse (plataforma StartSe).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.