Dia do Consumidor: Cinco dicas para se tornar um consumidor mais consciente

O consumo consciente é essencial não só para o bolso, mas também para garantir a qualidade de vida e é um trabalho que começa em casa. Por isso, no Dia do Consumidor, a Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN) dá 5 dicas para que o consumo seja ainda mais consciente.

1. Planejamento

O planejamento é o primeiro passo do consumo consciente. Fazer uma lista com os itens a serem adquiridos é uma boa maneira de evitar compras por impulso. Além disso, comprar somente o que realmente precisa evita o desperdício.

2. Pesquisa

Com a lista feita, é hora de iniciar a pesquisa de preços. Visite mais de um estabelecimento e verifique a diferença de valores para fazer a melhor escolha para o seu bolso. Fique também atento a promoções, já que alguns estabelecimentos baixam os preços em determinados dias.
3. Conheça os seus direitos

Um consumidor consciente também deve saber quais são os seus direitos. Além de poder pesquisar previamente quais são eles, também é possível ter essa informação na hora da compra, já que, por lei, os estabelecimentos comerciais devem disponibilizar o Código de Defesa do Consumidor para livre consulta do cidadão.

4. Saiba o que é melhor para a saúde

Já parou na frente de uma prateleira e comparou dois produtos sem saber qual deles é o melhor para a saúde? Saber quais nutrientes o seu organismo precisa e quais os seus benefícios dentro de uma dieta equilibrada. Aqui também é importante entender as informações nutricionais que constam no rótulo de cada produto para que a escolha seja a mais correta para a saúde. Por esse motivo, a ABRAN propôs um novo modelo de rótulo, o Nutri-score, que avalia cada alimento de acordo com a sua densidade nutricional, apresentando o resultado “Utilizando uma combinação de letras e cores conseguimos orientar o consumidor sobre as características de cada produto e isso vai ajudá-lo a fazer a escolha mais adequada à sua dieta e, consequentemente, para a saúde”, explica o Dr. Carlos Alberto Nogueira de Almeida, membro do Conselho Científico da ABRAN (Associação Brasileira de Nutrologia).

5. Responsabilidade ambiental

Uma das partes mais importantes do consumo acontece bem depois da compra. O descarte correto das embalagens é essencial para preservar o meio ambiente. Por isso, separe-as de acordo com o tipo e destine-as de forma adequada.

Fonte: Abran / Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *