Santa Casa de Passos aguarda autorização para tratar câncer de olho

A Santa Casa de Passos, é o único hospital de Minas Gerais que trata o câncer de olho, um tipo raro da doença que pode atingir seis pessoas em cada grupo de 1 milhão. O problema é que o tratamento ainda não pode ser feito pelo SUS. A doença pode causar cegueira e até levar à morte.

O vigilante Antônio sabia de tudo isso quando em 2015 foi diagnosticado com melanoma, um tipo de tumor maligno, no olho esquerdo. Ele disse que sentiu muito medo.

“Por umas duas ou três vezes eu tive medo. Um falava uma coisa, o outro falava outro e a cabeça da gente vai se tornando um trauma que a gente chega até a desesperar”, disse o vigilante Antônio Ferreira Costa.

Como o tumor era pequeno, em dezembro do ano passado ele foi encaminhado para fazer um procedimento chamado braquiterapia, uma cirurgia que é menos invasiva que a tradicional.

“Sem o advento da braquiaterapia, o tratamento é a retirada do olho, mesmo com tumores pequenos e olhos com visão. Já com a braquiterapia, a gente consegue muitas vezes salvar a visão do paciente, manter a visão e salvar o olho, ai que está a grande diferença”, diz Fábio Borges Nogueira, oncologista ocular.

Segundo o médico, são poucos os lugares no Brasil que oferecem esse tipo de cirurgia.

Santa Casa de Passos pode oferecer cirurgia de câncer no olho pelo SUS (Foto: Reprodução EPTV)
Santa Casa de Passos pode oferecer cirurgia de câncer no olho pelo SUS (Foto: Reprodução EPTV)

“O paciente é anestasiado e através de exames, o tumor é localizado. A gente localizar o tumor e coloca uma placa entre a pálpebra e a parte branca do olho, exatamente sobre o tumor. Essa placa via ficar no olho do paciente até 6 dias, o paciente fica internado em um quarto especial porque a placa é radioativa. A radioterapia vai destruindo o tumor, ele não some do olho, ele vai regredindo”, diz o especialista.

Antônio teve sorte de ter tido um diagnóstico precoce da doença. O tumor dele foi curado.

“Hoje eu estou tranquilo graças a Deus, vendo direitinho, graças a Deus”, disse ele.

Segundo a direção da Santa Casa, o hospital já ofereceu o serviço à Secretaria Estadual de Saúde e agora aguarda resposta para poder atender pacientes também pelo SUS.

Fonte: G1 Sul de Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *