Prefeitura de Caldas irá multar quem estiver sem máscara na cidade

Redação CSul – Alisson Marques/Foto: Reuters

Um novo decreto baixado pela Prefeitura de Caldas, irá multar quem estiver sem máscaras na cidade. Quem for flagrado precisará pagar R$ 80 de multa. Pessoas de outras cidades que estejam no município terão de pagar R$ 300 caso não comprovem residência ou que estão a trabalho na cidade.

A medida foi tomada após a cidade confirmar os três primeiros casos de coronavírus.

Segundo a administração municipal, o novo decreto tem o intuito de impedir a expansão da Covid-19 no município. Ainda conforme a prefeitura, agentes municipais irão realizar a fiscalização.

O decreto diz ainda que, qualquer pessoa, utilizando máscara ou não, poderá ser abordado. Nesta ação, os fiscais exigirão comprovante de residência ou de trabalho das pessoas. Caso o documento não seja apresentado imediatamente, o cidadão terá no máximo uma hora para realizar a amostra do mesmo.

Pessoas de outros municípios, ao serem abordadas, deverão apresentar comprovante de emprego em Caldas. Caso não apresente o documento, será dado o prazo de 12 horas para que deixe a cidade, sob pena de aplicação de multa no valor de R$ 300.

Reuniões acima de dez pessoas também não estão autorizadas. A pena para quem descumpra a ordem, é estipulada em R$ 300. Além de ser considerado crime contra à saúde pública.

Também estão proibidos o aluguel de casas e chácaras para eventos que tenham por objetivo aglomeração de pessoas, tais como festas, churrascos e aniversários. A multa estipulada também é de R$ 300 com responsabilidade criminal.

O decreto assinado pelo prefeito Alexsandro Conceição Queiroz, já está em vigor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *