Prefeito de Elói Mendes Willian Cadorini é cassado

O prefeito de Elói Mendes William Cadorini, foi cassado na noite desta terça-feira (18), pelo Tribunal Regional de Minas Gerais – TRE-MG.

O prefeito foi julgado juntamente com o ex-prefeito Natal Cadorini, por suposta propaganda irregular durante o período eleitoral em 2016. Segundo informações, a relatora pediu a cassação do prefeito e a inelegibilidade do ex-prefeito. Ainda segundo informações, mesmo o processo tendo sido interrompido com o pedido de vista do último desembargador a votar, a cassação do prefeito é irreversível, haja vista que todos os outros já votaram a favor.

O Ministério Público havia entrado no ano passado com pedido da cassação da chapa do prefeito. O MP acusa o prefeito eleito, William Cadorini, de ter utilizado de recursos públicos de maneira espúria, promovendo shows gratuitos para a população, poucos dias antes das eleições 2016. A apresentação da dupla Fernando & Sorocaba na 12ª EXPOEM teria custado R$ 175 mil. Ainda de acordo com a denúncia, painéis com o número da chapa, 12, eram expostos durante o evento, apresentando nítida conotação política do evento, bem como a utilização das cores de campanha, amarelo e vermelho.

Já o ex-prefeito Natal, sofria uma ação que pedia sua inelegibilidade. Ele, que em 2016 foi candidato a prefeito em Varginha, teria utilizado imagens do evento realizado em Elói Mendes, em suas inserções de propaganda eleitoral na TV regional. Para o Ministério Público, tais manobras dos candidatos visaram vantagens, desiquilibrando a disputa eleitoral.

Prefeito de Elói Mendes tem mandato cassado, mas continua no cargo
Prefeito de Elói Mendes tem mandato cassado, mas continua no cargo

Fonte: Brasil Metrópole 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *