Polícia procura por suspeitos de roubar sítios em 10 cidades da região

pouso_interna

A Polícia Civil procura por dois homens suspeitos de integrarem uma quadrilha que teria roubado fazendas e sítios em pelo menos 10 cidades da região de Pouso Alegre. O grupo tinha como alvos principais o gado e os equipamentos das propriedades. O que mais chamou a atenção da polícia é que os membros da quadrilha pertencem à mesma família.

“Essa quadrilha é um pai e dois filhos e uma quarta pessoa”, disse o delegado Erasmo Kennedy Machado.

No dia 10 de setembro, a polícia prendeu um jovem de 20 e um homem de 36 anos em um sítio que fica no bairro das Almas, na zona rural de Congonhal. Segundo a Polícia Militar, no cerco, outros dois homens conseguiram fugir.

“Os próprios infratores tinham um código de aviso, de alerta, em caso de chegada de força policial. Eles gritaram “liga a bomba” e lá não tem poço artesiano, nem nada, fugiram para o matagal”, disse o tenente da PM Juliano Costa.

Segundo a PM, os suspeitos alugaram um sítio e pagaram a estadia de forma adiantada. A propriedade fica em um ponto estratégico, em uma parte alta, onde dava para ver toda a movimentação ao redor e até a ação dos policiais. Conforme a polícia, foram apreendidas várias armas, que segundo a investigação, eram utilizadas nos roubos. Segundo os policiais, mais de 70 produtos roubados em vários municípios já foram entregues para os donos.

As buscas pelos foragidos continuam na região.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *