Paciente que recebeu o primeiro transplante de coração do Sul de Minas tem alta em Itajubá

O primeiro paciente a receber um transplante de coração realizado em um hospital do Sul de Minas Gerais recebeu alta nesta semana. Sebastião Aparecido da Silva, de 47 anos, é de Brazópolis (MG) e foi operado por uma equipe do Hospital Escola de Itajubá há cerca de 20 dias.

Ele sofria de insuficiência cardíaca e ficou na fila do transplante por três meses. “O quadro de insuficiência cardíaca leva a distúrbios como a queda da frequência do coração. A força com que ele bombeia também diminui, o que traz o risco de morte súbita”, explicou o médico Alexandre Hueb. O coração veio de uma mulher que sofreu morte encefálica.

A cirurgia durou cinco horas e preocupou a família. “A gente tinha medo de não dar certo. Tirar um coração e colocar outro. Mas deu tudo certo”, contou Patrícia Aparecida da Silva, irmã do Sebastião.

O médico explicou que, após a alta, são necessários alguns cuidados ao paciente. “Toda vez que fazemos um transplante de órgãos é necessário usar as medicações que previnem a rejeição. Estamos atentos aos cuidados necessários para a recuperação”.

Já em casa, Sebastião comemora a vida com o coração novo. “Faço movimentos, ando dentro de casa e não tenho mais canseira, falta de ar, nem dor. Já dá pra perceber a melhora. Quero mudar de vida, seguir a vida com um coração novo, que foi um milagre”.

Já em casa, em Brazópolis (MG), Sebastião comemora a vida com o coração novo. (Foto: Reprodução/EPTV)
Já em casa, em Brazópolis (MG), Sebastião comemora a vida com o coração novo. (Foto: Reprodução/EPTV)

Fonte: G1 Sul de Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *