Lambari fecha entradas para visitantes, ônibus e parentes de moradores

A Prefeitura de Lambari decidiu por fechar entradas da cidade para ônibus, visitantes e até parentes de moradores do município. A medida veio após uma servidora da barreira sanitária contrair o vírus e contaminar oito pessoas. O decreto publicado pela prefeitura na última sexta-feira (8), vale até o próximo dia 30.

Conforme o decreto, pessoas que comprovem em documento que residem em Lambari poderão entrar na cidade, contudo ficarão imediatamente em quarentena de 14 dias. A Secretaria Municipal de Saúde irá realizar o monitoramento para esses casos.

Ônibus de circulação intermunicipal e interestadual continuam proibidos de entrar no município. Táxis e veículos de aplicativos com placas de outras cidades também.

Barreiras de contenção

De acordo com a administração municipal, para que a medida seja seguida, autoridades da cidade e empresas contratadas formarão barreiras de contenção nas três vias de acesso a cidade. Caso a pessoa negue informações buscando tentar entrar no município, a Polícia Militar poderá ser acionada.

Os documentos aceitos para quem precise entrar na cidade, são: certidão de matrícula de imóvel, comprovante de água, luz, internet, telefone e IPTU, certidão de nascimento, certidão de casamento, cédula de identidade e título de eleitor e carteira de habilitação. Os trabalhadores que estiverem nas barreiras ficam autorizados a fotocopiar e digitalizar os documentos.

Para quem precise utilizar a cidade como passagem para ir a outro município, receberá um documento na entrada que utilizar e, em dez minutos, precisa entregá-lo no ponto de saída.

Seguem autorizados 

Além de pessoas que comprovem residência, casos como: veículos de transporte de gêneros alimentícios, combustível, água, gás, matéria prima para as indústrias e confecções, entrega de valores, entrega de postagens e entrega de produtos no comércio local. Representantes comerciais, medicinais e outros de caráter essencial também seguem autorizados.

Redação CSul – Alisson Marques/Foto: Divulgação 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *