Indonésia proíbe policiais e militares de jogar ‘Pokémon Go’

A Indonésia proibiu que os policiais joguem “Pokémon Go” durante as horas de serviço e estenderá a mesma restrição aos militares, alegando que o jogo para telefones celulares é uma ameaça para a segurança, informaram autoridades nesta quarta-feira (20).

Assim como em outras partes do planeta, a caça de criaturas virtuais escondidas no mundo real está causando comoção no país do sudeste asiático. Apesar de o game não ter sido lançado oficialmente no país, muitos indonésios fizeram o download alternativo do aplicativo.

A polícia proibiu desde terça-feira (19) o jogo de “Pokémon Go” durante as horas de serviço. Não é incomum ver os agentes jogando com seus smartphones nas ruas do país.

O exército publicará em breve uma ordem para proibir também os militares de jogar com o aplicativo durante as horas de serviço, declarou um porta-voz da instituição, Tatang

O jogo de realidade aumentada 'Pokemon Go' é visto na tela de um smartphone em foto ilustrativa tirada em Palm Springs, na Califórnia, EUA (Foto: Sam Mircovich/Illusration)
O jogo de realidade aumentada ‘Pokemon Go’ é visto na tela de um smartphone em foto ilustrativa tirada em Palm Springs, na Califórnia, EUA (Foto: Sam Mircovich/Illusration)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *