Guaxupé: Projeto quer incentivar cultivo de plantas que ‘afastam’ a dengue

Citronela age como um repelente natural. (Divulgação)

Caso seja sancionado, o objetivo é que plantas como citronela e crotolária seja distribuídas no município

Aprovado na Câmara Municipal de Vereadores de Guaxupé, um projeto de lei tem como objetivo incentivar o cultivo de citronela e crotalária na cidade. As duas plantas são repelentes naturais do mosquito Aedes aegypti, que é o transmissor da dengue, a chikungunya e o vírus da zika.

Pela lei, a prefeitura do município deve distribuir sementes e orientar os moradores, além de fazer o plantio em áreas públicas. Além de não ter um custo, os próprios agentes comunitários podem realizar a distribuição nas casas no momento das visitas, o projeto também deve ser implantado em áreas públicas do município.

Somente neste ano, o município já registrou 31 casos da doença. A diretora da Vigilância em Saúde aponta que essa é mais uma arma no combate. Porém ela também afirma que as outras ações que previnam criadouros, como evitar a água parada, não podem deixar de ser realizadas em casa.
O projeto ainda está sob analise pelo departamento jurídico da prefeitura. Na semana que vem, deve ser definido se ele vai ser sancionado ou não.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *