Faleceu aos 92 anos, Monsenhor José Hugo Goulart, sacerdote mais velho da diocese da Campanha

Faleceu aos 92 anos de idade, Monsenhor José Hugo Goulart e Silva, sacerdote mais velho da diocese da Campanha. Ele faleceu nesta quinta-feira (25), às 15h, em Pouso Alegre. O Corpo do Monsenhor foi velado na Igreja Catedral Santo Antônio, em Campanha. Nesta sexta-feira (26), às 15h, aconteceu a missa exequial presidida pelo bispo diocesano de Campanha, Dom Pedro Cunha Cruz. Após a missa, o cortejo fúnebre seguirá para o Cemitério Municipal onde será o sepultamento no Jazigo Paroquial.

Em nota, a “Diocese da Campanha, com profunda gratidão pela vida, ministério e testemunho de Monsenhor José Hugo Goulart e Silva, noticia, com pesar, seu falecimento”, informou.

História

Em 1927, no dia 24 de abril, nasceu em Cachoeira de Minas/MG o pequeno José Hugo Goulart e Silva, filho de Joaquim Ribeiro da Silva e de América da Silva Goulart. Foi batizado em Santa Rita do Sapucaí/MG, no dia 29 de maio de 1927. Não demorou muito e sua família mudou-se para a cidade de Natércia/MG onde cresceu, conheceu as primeiras letras, deu os primeiros passos e passou a vivenciar o amor imenso pela Santa Igreja de Cristo.

Aos 18 de fevereiro de 1940 realizou o sonho: entrar no Seminário Menor da Campanha, onde permaneceu até 31 de dezembro de 1945. Cachoeira de Minas é seu berço de nascimento, Santa Rita é o local de seu batismo, Natércia é o lugar da sua infância e onde adquiriu o desejo enorme de ser um sacerdote da Igreja, assim, a vetusta Campanha da Princesa torna-se a sua eterna cidade, amada, querida e guardada em seu coração e memória.

Em 1946, segue para cidade de Mariana onde concluiu os estudos filosóficos. Os Estudos teológicos foram realizados de 1948 a 1951. Em 08 de dezembro de 1950 foi ordenado diácono na Catedral da Campanha. Em 1951 tornou-se professor do seminário em Campanha e no dia 07 de junho de 1952 foi ordenado presbítero da Igreja em Natércia.

Voltou para Campanha, continuou suas atividades como professor no seminário diocesano e na paróquia Santo Antônio, exercendo seu ministério sacerdotal. Em Campanha ficou por 35 anos!  Em 1964 tornou-se pároco e cura da Catedral até o ano de 1968. Nesse período, elevou o ponto do telhado da Catedral, fez reparos no teto e no interior da igreja. Nunca abandonou o Seminário e, consequentemente, sua terra campanhense.

Monsenhor José Hugo auxiliou em diversas paróquias como Administrador Paroquial. São elas: Monsenhor Paulo, Heliodora, Natércia, Cristina, Soledade de Minas,  Careaçu e Cordislândia. Em Caxambu, do dia 02 de abril de 1991 a 31 de agosto de 1993, foi investido no cargo de vigário paroquial. De 01 de setembro de 1993 a 03 de junho de 1996 foi Auxiliar Paroquial em São Gonçalo do Sapucaí. Na paróquia de Cordislândia também exerceu a função de Auxiliar.

Depois de muito trabalhar, veio o merecido descanso. Voltou para Campanha no ano de 2008 para morar e aqui permaneceu até 2018. A aposentadoria para o Monsenhor foi só uma mais uma etapa simples e necessária na vida, pois ele era incansável, seu maior prazer era celebrar a santa missa. Aos 91 anos ele voltou para sua terra de infância, Natércia, em sua despedia nos disse: “Vou, mas carrego em meu coração cada pessoa desta cidade da Campanha, meu muito obrigado”.

Fonte: Diocese da Campanha / Fotos: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *