Ex-prefeito de Itutinga é condenado por improbidade administrativa

O ex-prefeito de Itutinga, Antônio Alves de Paiva, teve os direitos políticos suspensos por oito anos e foi condenado pela Justiça Federal a devolver cerca de R$ 178 mil aos cofres públicos por crime de improbidade administrativa. A decisão, sobre a qual ainda cabe recurso, foi publicada nesta segunda-feira (22), e resulta de um processo aberto pelo Ministério Público Federal (MPF) junto com a União em 2009.

Segundo denúncia do MPF, foram constatadas irregularidades em um convênio firmado com o Ministério da Saúde em dezembro de 2003 para a compra de uma ambulância e equipamentos médicos para o município. Além de Paiva, que estava à frente da Prefeitura de Itutinga na época, outros dois integrantes da então comissão de licitação também foram condenados. Eles tiveram os direitos políticos suspensos por cinco anos e terão que pagar multa.

Até esta publicação, o ex-prefeito e os servidores não tinham sido localizados para comentar a ação.

itutinga_varandao

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *