Cobrando entrega de casas, famílias ocupam residencial em Pouso Alegre

Famílias que aguardam a entrega de casas do Residencial Jardim Redentor, no bairro São João, em Pouso Alegre (MG), estão acampadas no local desde segunda-feira (3). Segundo moradores, até esta quarta-feira (5) já havia 16 barracas em frente às casas. Os ocupantes cobram uma data para a entrega de 300 imóveis ligados a um programa habitacional, que vem sendo adiada há pelo menos dois anos. Na sexta-feira (31), a área já havia sido ocupada pelos beneficiários do programa.

A última ocupação do residencial terminou no sábado (1º). Na ocasião, uma reunião foi marcada para sexta-feira (7) com a Caixa Econômica Federal, que administra o programa habitacional. Os moradores disseram que haviam deixado o local após firmarem um acordo com a prefeitura. No entanto, eles informaram nesta quarta-feira que o acordo não foi cumprido e por isso decidiram montar acampamento novamente.

Ainda conforme os moradores, o acordo envolvia a assinatura de um termo de responsabilidade para que se mantivessem no residencial, o que não se concretizou. A Caixa Econômica havia informado na sexta-feira que o atraso na entrega se devia a problemas com a construção, que seriam resolvidos ainda no 1º semestre deste ano.

Já a prefeitura declarou que não é a responsável direta pelo conjunto habitacional e, por isso,  não responde pelos atrasos.

Eles dizem que prazo para entregar de 300 casas foi adiado várias vezes em Pouso Alegre (Foto: Reprodução EPTV)
Na sexta-feira (31), já houve protesto em frente ao residencial com 300 casas em Pouso Alegre, (Foto: Reprodução/EPTV)

Fonte: G1 Sul de Minas

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *