Aposentados fazem manifestação em São Sebastião do Paraíso

still0814_00004Os pensionistas e aposentados do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos de São Sebastião do Paraíso, fizeram uma manifestação nesta sexta-feira (14). Eles cobram da prefeitura da cidade os benefícios atrasados e o repasse para o convênio de saúde.

Segundo a empresa responsável pelo plano de saúde, o município tem as parcelas de julho e agosto atrasadas, que somadas chegam a RS 250 mil. De acordo com o Inpar, a prefeitura tem até o dia 20 de agosto para pagar o boleto, senão a prestadora de serviço já avisou que vai cancelar o convênio.

“Os aposentados têm um plano antigo, que é aquele não regulamentado. Hoje, se eles fossem fazer um plano novo, o valor dobraria. Então tem um desespero do pessoal, com medo de que o plano seja bloqueado”, diz Laís Carvalho, gerente administrativa do Inpar.

Quinhentos aposentados e pensionistas recebem o benefício através do instituto. O presidente afirma que a dívida da prefeitura já passa de R$ 2 milhões.

“[O valor] Se refere ao restante de junho, julho, agosto entrando e também patronal dos meses anteriores”, explica Rildo Domingos.

Na última segunda-feira (10), o prefeito Rêmolo Aloíse pagou com cheques o benefício de 340 pensionistas na própria prefeitura. A medida, no entanto, não é permitida, porque o estatuto do Inpar prevê que somente o instituto pode fazer o pagamento aos pensionistas e aposentados.

Com os salários atrasados, a aposentada Luzia Souza Castro decidiu procurar a Justiça. “É vergonhoso o tratamento, a falta de consciência, a falta de cuidado para com seus funcionários aposentados. Principalmente no momento em que o funcionário mais precisa”.

A assessoria de imprensa da Prefeitura de São Sebastião do Paraíso informou que o prefeito está viajando e por isso não vai se manifestar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *