Um mês após chacina que matou 19, manifestantes cobram punição

cruzespaulistaNo dia em que a chacina de Osasco e Barueri completou um mês, cerca 30 pessoas ligadas ao movimento Rio de Paz protestaram neste domingo (13), na Avenida Paulista pedindo a punição dos responsáveis pelas 19 mortes.

Amordaçados e com a faixa com a pergunta “Quem matou os 19?”, os manifestantes protestaram ao lado da mãe de uma das vítimas. “Dor e revolta”, disse Zilda Maria de Paula, mãe de Fernando Luiz de Paula, conhecido como “Abuse”, morto em um dos ataques.

“Eles todos morreram sem saber o porquê. Foi uma coisa tão estúpida que não teve nem como se defender. Inclusive meu filho morreu sentado”, completou.

Esse é o terceiro protesto de movimento, que já colocou sacos pretos representando os corpos das vítimas na calçada da Avenida Paulista e neste domingo fincou 19 cruzes com os nomes das vítimas. Além das mordaças e cruzes, os manifestantes também acenderam velas em homenagem às vítimas.

Para o organizador, Claudio Nishikawara, “é muito perigoso” passar um mês sem a elucidação de um caso como esse. “Para nós, é um comprometimento da democracia”

Na noite de 13 de agosto de 2015, 19 pessoas foram mortas e sete ficaram feridas em ataques realizados por homens armados em pouco menos de três horas em dez lugares das cidades da Grande São Paulo. Familiares das vítimas sentem medo e enfrentam dificuldades para retomar a vida após a perda dos parentes.

chacina5

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *