Rio 2016 gera 85 mil empregos terceirizados

Os Jogos Olímpicos também são uma oportunidade de geração de emprego. A um ano da competição, a organização do Rio 2016 divulgou nesta quarta-feira (5) um balanço das vagas que serão criadas com a realização da competição. A maioria delas está no setor de serviços.

Segundo a análise, os Jogos vão proporcionar 85 mil empregos terceirizados. Entre as funções com grande oferta de vagas estão a de ajudante de cozinha, assistente de serviços, camareira, chefe de cozinha, copeira, cozinheiro, limpeza, estoquista, operador de caixa e recepcionistas.

Um levantamento detalhado aponta para vagas na segurança (19 mil), alimentos e bebidas (14 mil), transporte (8 mil), ingressos e hospitalidade (8 mil) e serviços de limpeza (7 mil).

A Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) será responsável pelo treinamento dos 270.601 inscritos como candidatos a um posto de trabalho nos Jogos Olímpicos. Deste grupo serão selecionados os 85 mil que garantirão, por exemplo, a segurança e limpeza das arenas de competição, além do bom funcionamento de hotéis e lanchonetes para servir as pessoas que circularão pelo Rio para ver os atletas em ação.

5353csyfcq_5gbb52yrck_file

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *