Detento faz projeto de economia de água e conta de MS reduz R$ 267 mil

Um detento de 47 anos criou um mecanismo para ajudar na economia de água de um presídio em Campo Grande. Segundo informações da assessoria de imprensa da Secretaria de Administração e Desburocratização de Mato Grosso do Sul (SAD/MS), com a invenção, o estado economiza R$ 267 mil por mês.

O equipamento é usado durante os banhos dos preso. O sistema criado pelo detento funciona através de um tampão com um pequeno furo, que quando ajustado à instalação hidráulica, diminui a pressão e o fluxo da água. A adaptação foi instalada nos chuveiros e torneiras da unidade em que está preso.

Eletricista de formação o preso explica que, a unidade precisava de um sistema que diminuísse a pressão da água, mas não tinha como comprar. Ele então então estudou algumas alternativas e fez a adaptação.

A criação chamou a atenção do diretor-presidente da Águas Guariroba, José João Jesus da Fonseca, que encamimhará um de seus técnicos para realizar um estudo sobre o novo mecanismo. A ideia é que a invenção seja implantado em outros órgãos.

detento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *