CGU investiga 58 funcionários e ex-funcionários da Petrobras

A Controladoria-Geral da União (CGU) investiga 58 empregados e ex-empregados da Petrobras suspeitos de terem participado em desvios nos contratos da estatal.

A lista completa tem sido mantida sob sigilo, mas a TV Globo confirmou nomes e o número de investigados.

Todos são alvo de processo pela controladoria, que está pedindo informações, coletando provas e colhendo depoimentos.

São ex-dirigentes, funcionários e gerentes que atuaram em contratos da refinaria Abreu e Lima (PE), da empresa SBM Offshore e que supostamente tiveram participação em desvios investigados na Operação Lava Jato. Algumas pessoas já se desligaram da empresa.

Além de nomes já conhecidos – como o ex-presidente da estatal José Sérgio Gabrielli, os ex-diretores Nestor Cerveró (Diretoria Internacional), Renato Duque (Serviços), Paulo Roberto Costa (Abastecimento) e Jorge Zelada (Diretoria Internacional) – a lista inclui funcionários e ex-funcionários do chamado “terceiro escalão”, que executavam ordens e tinham atuação mais direta nos contratos.

As investigações desses 58 estão em fases diferentes de apuração, algumas no início do processo. Outros funcionários estão sendo ouvidos em depoimentos, para que apresentem a defesa.

PF DEFLAGRA S…TIMA FASE DA OPERA«√O LAVA JATO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *