Após pedido da PM, MTST e movimento Povo sem Medo desocupam triplex do Guarujá

Após uma negociação com a Polícia Militar, integrantes do  Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e do movimento Povo Sem Medo desocuparam o apartamento triplex do Guarujá – prédio que teria sido doado ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pela OAS, como forma de propina por benefício a contratos da construtora com a Petrobras.

O imóvel foi invadido na manhã desta segunda-feira (16). O grupo estendeu faixas dizendo “Se é do Lula, é nosso”, “Se não é, por que prendeu?” e “Povo sem Medo”.

A ocupação do tríplex pelos manifestantes foi anunciada nas redes sociais do líder do MTST e pré-candidato do PSOL à presidência da República, Guilherme Boulos. “MTST e a Povo Sem Medo acabam de ocupar o tríplex do Guarujá, atribuído a Lula por Moro. Se é do Lula, o povo poderá ficar. Se não é, por que então ele está preso?”, disse Boulos, repetido os dizeres das faixas dos manifestantes.

Lula está preso e foi condenado a 12 anos e um mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, justamente por causa desse triplex.

Fonte: O Tempo / Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *